Prefeitura resgata símbolo de Santo André e inaugura UPA Infantil Faisa

A Prefeitura de Santo André entregou nesta sexta-feira (14) a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Infantil Faisa. Localizada na rua Adolfo Bastos, na região central, a unidade vai prestar assistência 24 horas para pacientes de 0 a 14 anos em clínica médica, internação, sutura, curativo, eletrocardiograma e dispensação de medicamentos.

Além de representar o resgate de um dos principais símbolos do município, o equipamento será o primeiro a atender exclusivamente o perfil pediátrico no estado de São Paulo.

“Quando eu tinha crise de bronquite ou rinite alérgica, minha mãe me trazia para a Faisa porque ela dizia que não tinha lugar melhor para cuidar de criança em todo o ABC e ela realmente tinha razão. Quando tive a oportunidade de implementar o Qualisaúde eu quis resgatar isso. Avaliamos outros locais, mas chegamos à conclusão de que a Faisa deveria ser onde era a Faisa, no mesmo prédio, após a modernização, e agora a gente pode especializar esse espaço para a infância”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

A unidade foi entregue com ambiência preparada para público infantil, que visa deixar as crianças mais calmas e confortáveis durante a permanência no local. A UPA foi entregue dentro dos padrões do programa Qualisaúde e possui uma recepção com três pontos de atendimento, sala de espera com brinquedoteca, três consultórios, além de salas de classificação de risco, medicação, coleta, internação, estabilização e isolamento.

“É o resgate de um símbolo, de um orgulho e de uma cidade que se redescobriu, que está cada vez mais bonita, cada vez mais bem cuidada e com a nossa gente com cada vez mais qualidade de vida”, completou o prefeito Paulo Serra.

O local será habilitado como UPA porte III e recebeu investimento de R$ 2,8 milhões para se enquadrar ao programa Qualisaúde. O atendimento terá início na próxima terça-feira (18), a partir das 6h.

“Hoje a gente simboliza um resgate da história da saúde pública em Santo André. Antes do SUS existia a Faisa para atendimento da infância e maternidade e ali foram os primeiros passos do Sistema Único de Saúde. A partir de 1988, com a criação do SUS, a Faisa foi incorporada junto à Secretaria de Saúde, tendo muitos dos profissionais permanecendo trabalhando com a gente”, explicou o secretário de Saúde, Márcio Chaves Pires.

Histórico – Criada em 1967, a Faisa (Fundação de Assistência à Infância de Santo André) foi durante muitos anos referência na saúde infantil. A rede de atendimento chegou a contar com 11 ambulatórios descentralizados com capacidade de 6.000 consultas ao mês, além de dois serviços de urgência e emergência.

A primeira e principal unidade da Faisa contava com 20 leitos para internação de casos clínicos de urgência e emergência. Em 2005, esse prédio deu lugar a um Pronto Atendimento voltado a todos os públicos, que posteriormente se tornou a UPA Central.

 

Fonte: O Grande ABC

Postado por Grupo Discom

Comente

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *