Instituto Mauá prepara último teste de seus respiradores

O Instituto Mauá se prepara realizar o último teste de seu respirador em parceria com uma série de empresas na região. Segundo o reitor José Carlos de Souza Jr., em entrevista ao RDtv nesta segunda-feira (20), relatou que a expectativa é que na primeira semana de agosto ocorra a autorização da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para a produção de 500 unidades.

O teste de contabilidade eletromagnética ocorrerá no dia 27. A ideia é certificar de que o aparelho não causará qualquer tipo de incompatibilidade com outros equipamentos eletrônicos que esteja à disposição do paciente com covid-19. O aparelho projetado por professores e alunos do Instituto Mauá pretende auxiliar pacientes em deslocamento. A ideia foi automatizar um equipamento denominado ambu que tem acionamento manual.

Caso ocorra a autorização, a Mercedes será a responsável pela fabricação e a Protec fará a distribuição para os municípios que requisitarem. A estimativa é que aparelho possa ser produzido em um mês. Mas a expectativa em torno da produção e da finalização deste projeto já reflete no dia a dia dos alunos e professores.

“Só conseguimos desempenhar bem o nosso papel se conseguir levar soluções para a sociedade, então a partir do momento em que você vê alunos e professores envolvidos, empresas envolvidas nesse ambiente também, conseguindo fazer com que o conhecimento seja positivamente aplicável e resolvendo, melhorando a vida das pessoas para nós é atingir o nosso objetivo”, explicou José Carlos.

 

Fonte: Repórter Diário

Postado por Grupo Discom

Comente

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *